ND AMA

CONHEÇA O SR. MIURA E SUAS CEREJEIRAS!26/10/16

Incansável, ele dissemina a cultura nipônica em MG!

Em nossas andanças pela web nos deparamos com o perfil @miuracerejeiras, no Instagram, e foi amor à primeira vista! Capitaneada e criada pelo Sr. Haruji Miura, a empresa nasceu, oficialmente, há pouco mais de três meses e - acredite! - fica na Grande BH e não no Japão!

Antes ele já fazia doação de muda e vendia por um valor simbólico, só pra pagar o custo dele de fazer as mudas. De uns três ou quatro meses pra cá ele resolveu fazer mais seriamente. A intenção dele é espalhar a cerejeira o máximo que ele conseguir, porque tem muita gente que não conhece”, disse Bernardo Miura, neto do Sr. Miura.

Aos 89 anos, tudo que ele quer é disseminar a (linda!) cultura japonesa!

 

Tão linda quanto as floradas – que vão, geralmente, do meio de julho até, no máximo, o fim de agosto, durando cerca de dez dias antes de formarem o lindo tapete de pétalas rosado no chão ao redor das árvores – é a história dele, que nasceu em Lins, interior de SP, numa colônia japonesa (por isso o Sr. Miura, apesar de brasileiro, tem um sotaque característico), tem 89 anos e, há 30 anos, resolveu começar a plantar cerejeiras no seu jardim no condomínio Morro do Chapéu, em Nova Lima. 

No começo, ele oferecia mudas aos vizinhos e pedia que eles as plantassem. A maioria dizia que plantaria, mas nunca tomaram iniciativa nenhuma. Então, um dia, cansado de esperar e querendo disseminar a beleza da árvore que é tradicional do Japão pela vizinhança, foi com seu jardineiro plantar cerca de 30 cerejeiras pelo clube.

Aproximadamente sete anos depois, quando veio a primeira leva de flores, os moradores se encantaram e começaram a perguntar que árvore era aquela. Então ele contou e todo mundo quis mudas pra plantar, o que fez com que a planta se tornasse um símbolo do condomínio!

Lindeza em forma de flor!

 

A gente amou ainda mais!

 

Serviço

Miura Cerejeiras

Contato: (31) 99138-9345

Site: www.miuracerejeiras.com.br

Facebook

#madeinJapan

CECÍLIA BARBI (DA REDAÇÃO)

FOTOS REPRODUÇÃO/INSTAGRAM@MIURACEREJEIRAS



COMPARTILHE A MATÉRIA


COMENTÁRIOS




MENSAGEM




FACEBOOK