OLHO NA CIDADE

ARTE: MARCELO XAVIER VERSÃO CALIENTE!04/04/18

Inspirada na arte erótica, mostra reúne desenhos e ilustrações que o artista vem produzindo desde a década de 1980

Velho conhecido do ND – só que pelo seu lado carnavalesco e/ou pela sua expertise em ilustrações com massa de modelar –, o artista plástico Marcelo Xavier vai ocupar a PQNA Galeria Pedro Moraldeida, no Palácio das Artes, a partir do dia 6 de abril, com uma exposição, digamos, um pouco mais “caliente”! Batizada de “Traço Explícito”, a mostra é inédita e reúne 17 ilustrações retiradas do livro “Caderno de Desenhos”, lançado por ele em 2008, e outras 17 que nunca foram divulgadas.

 

Obra de Marcelo Xavier que estará exposta no Palácio das Artes!

A mostra apresenta o olhar de Marcelo para a arte erótica, apresentando criações totalmente diferentes das que seu público está acostumado a ver. Cada obra foi criada em momentos diferentes da carreira dele, traçando um paralelo entre suas inquietações e questionamentos e mostrando seu fascínio por esse “lado B” dele, pouco conhecido até o lançamento da publicação há uma década, mas que o inspira desde a década de 1980, quando ele resolveu estudar o tema.

Àquela época, nos anos 1980, eu estudava sobre o assunto para liberar a minha cabeça, liberar o meu traço. Isso é um exercício que eu faço para vencer o limite entre o erotismo e a pornografia. Então, tudo que está nessa exposição é um questionamento também: por que o erótico é aceito e o pornográfico não? Por que o pornô tem que estar sempre na parte de trás da porta do banheiro?”, diz ele.

Exposição começa no dia 6 de abril 

 

 

Todos os trabalhos que serão expostos foram feitos em cantos de livros, blocos de notas e cadernos (entendeu o porquê do nome do livro que apresentou o trabalho voltado para a arte erótica?) e, agora, poderão ser vistos em tamanho ampliado. “Traço Explícito se vale da autonomia e da liberdade conquistadas pela expressão artística em anos de luta contra a censura e o preconceito de qualquer natureza. Quando o sexo é o prato servido pela arte, ele tem bons ingredientes, é temperado com fartas doses de erotismo, pitadas pornográficas e sedutora apresentação. Eu não posso ficar me censurando para fazer meu trabalho. Seria um suicídio artístico!”, comenta Marcelo sobre o conteúdo da mostra, que é a sua primeira exposição individual em uma galeria do Palácio das Artes.

A gente já está doido para conferir o que vem aí!

Serviço:

Traço Explícito

Onde: av. Afonso Pena, 1537, Centro

Quando: 6 de abril a 3 de junho, de terça a sábado das 9h30 às 21h e domingo das 16h às 21h

 

 

#hot,hot,hot

 

CECÍLIA BARBI (COLAB ESPECIAL)

FOTOS MIGUEL AUN/DIVULGAÇÃO




COMPARTILHE A MATÉRIA


COMENTÁRIOS




MENSAGEM




FACEBOOK