ND AMA

SEU ROSTO E O VERÃO. O QUE PODE? #BEAUTY07/02/18

Saiba quais são permitidos em qualquer época do ano

Existe um mito de que os tratamentos estéticos para rosto e corpo não podem ser feitos no verão, porque podem causar manchas, descamações e hematomas. Mas não é bem assim. Alguns são super possíveis de serem realizados em qualquer época do ano, possibilitando que você inicie ou faça a manutenção do protocolo adotado mesmo em períodos de extremo calor.

A primeira dica é buscar orientação de um dermatologista, profissional apto a prescrever o procedimento mais adequado e permitido no verão, ou seja, aquele que não agride a pele. Por isso selecionei aqueles que não precisam ser abandonados em período algum.

 

O Botox é um dos queridinhos!

Vamos começar pelo eterno queridinho: o botox. A toxina botulínica ameniza rugas de expressão, como aquelas que aparecem na testa, entre as sobrancelhas, quando ficamos bravos, e os famosos “pés de galinha”, e pode ser utilizada como método preventivo à formação dessas rugas, porque impede que esses vincos na pele permaneçam quando o músculo está em repouso, ou seja, quando não estamos realizando nenhuma expressão. Além disso, podemos realizar o botox no terço inferior do rosto para melhorar o contorno facial, o sorriso gengival, a aparência de “queixo contraído”, dentre outras inúmeras indicações. Como o procedimento não afeta a superfície da pele e não exige tempo de recuperação, ele independe do clima. 

O MD Codes™ é uma técnica muito conceituada de preenchimento com ácido hialurônico em regiões pontuais e estratégicas da face e promove um rejuvenescimento mais natural e harmônico, por reestabelecer a estrutura e suporte da face, que vão sendo perdidos com o tempo, e com isso melhora a harmonização facial. Por ser considerado um tratamento de “dentro para fora”, pode ser realizado em qualquer época do ano. 

Outros que fazem parte da categoria “tratamento injetável” são os bioestimuladores de colágeno, dentre eles, o Sculptra, um composto de ácido Poli-L-Láctico, e o Radiesse, ou Hidroxiapatita de cálcio, que estimulam a produção de colágeno, dão firmeza e sustentação à pele e suavizam os sinais do envelhecimento, principalmente a flacidez cutânea. No corpo ele combate a flacidez, celulite e falta de volume nos glúteos. Ele consegue atingir as camadas mais profundas da cútis, mas é minimamente invasivo. O paciente pode retomar suas atividades ao sair do consultório e pode ser usado sem medo no verão.

O Ultraformer III, que já falei aqui, é a sensação do momento e o melhor: pode ser feito no período de altas temperaturas porque não altera a superfície de pele. Ele trabalha estimulando colágeno dérmico e muscular na face, melhorando flacidez de pálpebras, bochechas, contorno e pescoço, rugas finas e o contorno facial. Na parte corporal, através de suas ponteiras macrofocadas, consegue trabalhar tanto a flacidez de pele quanto a queima de gordura localizada em áreas como abdômen e região interna das coxas, além da papada, gordura do braço, área das costas, culote e flancos.

Todo cuidado é pouco na hora de cuidar da sua pele no verão!

Tratamentos como alguns tipos de peelings, lasers não-ablativos e microagulhamento, que trabalham a superfície da pele, com melhora da textura, qualidade, uniformização de poros, acabam por evoluir no pós com algum grau de vermelhidão e descamação. Por isso, para serem realizados nessa época do ano, devem ser feitos com muita disciplina e parcimônia, seguindo rigorosamente as orientações do seu dermatologista, evitando, principalmente, a exposição solar direta e utilizando regularmente o filtro solar. Quer tratar da sua pele mesmo no verão? Tem como!  Procure seu médico de confiança e comece 2018 com o pé direito e ainda mais linda(o)!

 

#pelebonitanoverão

 

DRA. TATHYA TARANTO (COLABORAÇÃO ESPECIAL)

FOTOS REPRODUÇÃO/BANCO DE IMAGENS 




COMPARTILHE A MATÉRIA


COMENTÁRIOS




MENSAGEM




FACEBOOK